26/08/2015

Com o objetivo de colaborar com a manutenção do patrimônio fitossanitário tocantinense, a Agência de Defesa Agropecuária (Adapec) promoverá um curso com vistas a habilitar e credenciar profissionais responsáveis técnicos, para a emissão de Certificado Fitossanitário de Origem (CFO) e Certificado Fitossanitário de Origem Consolidado (CFOC). A capacitação, que é direcionada aos engenheiros agrônomos da iniciativa privada, ocorrerá nos dias 1º e 2 de setembro, em Palmas, e contará com aulas práticas e teóricas.

As discussões serão focadas nas pragas quarentenárias presentes na cultura da bananeira, Sigatoka Negra e Moko da Bananeira, de nomes científicos Mycosphaerellafijiensis e Ralstoniasolanacearum raça 2, respectivamente. “É uma oportunidade para os profissionais se habilitarem para a emissão de certificação e atenderem os produtores rurais, fortalecendo a fruticultura do Estado”, destaca o presidente da Adapec, Humberto Camelo.

O curso terá duração de 16 horas, com conteúdo teórico apresentado no auditório da Secretaria da Agricultura e Pecuária (Seagro), em Palmas, com abordagem nas normas de trânsito de vegetais, e aulas práticas, realizadas em uma propriedade rural situada no município de Porto Nacional, com identificação in loco da praga Sigatoka Negra.

De acordo com o inspetor agropecuário, Marley Camilo de Oliveira, o curso que é promovido em parceria com o Ministério da Agricultura e Pecuária (Mapa), vem suprir a necessidade de ampliação do número de profissionais credenciados para emissão de CFO ou CFOC, além de reciclar os profissionais da Agência que estão nas unidades produtoras de bananas.  “Discutiremos os aspectos socioeconômicos da cultura, principais cultivares recomendados para o Tocantins, ações preventivas, principais plantas hospedeiras, entre outras”, destaca, acrescentando ainda que cabe a Adapec fiscalizar a certificação.

Inscrição

Os interessados em participar poderão acessar o site www.adapec.to.gov.br e clicar no banner do curso, onde constam todas as informações, programação, conteúdo e ficha de inscrição. O interessado deverá preencher a ficha de inscrição, retirar o DARE na Adapec e pagar a taxa no valor de R$ 100,00. Além disso, no ato do treinamento apresentar a cópia do comprovante de seu registro ou visto, junto ao Conselho Regional de Engenharia e Agronomia do Estado de Tocantins - CREA-TO.

Adapec
          

SDS Bloco D - Ed. Eldorado Salas 106/109, SN - Asa Sul - 70392-901 - Brasilia - DF
Telefone: (061) 3225-2288

Codde Comunicação Digital